recuperar senha do IRC (freenode)

Para recuperar a senha do usuário registrado no IRC, basta:

1) entrar no servidor de irc (irc.freenode.net, por exemplo) com um nick qualquer (/server irc.freenode.net)
2) acessar o canal #freenode (/j #freenode),
3) solicitar a qualquer admin do canal o recover da senha.

Será enviado para o e-mail usado no registo do nick uma senha temporária, com ela é possível acessar o irc com o usuário cadastrado (/nickserv identify SENHA) e trocar a senha

mais dicas:
http://wiki.ubuntu-br.org/UsandoIRC

Mais comandos:
/chanserv help
/nickserv help

Anúncios

Usando mais de 3gb de RAM no Ubuntu 32 bits com PAE.

Sistemas 32 bits leem uma quantidade limitada de memória ram, isso quer dizer, que mesmo que a máquina tenho 8gb os sistemas vão ‘reconhecer’ só 3gb.

No Ubuntu existe uma solução fácil e prática: instalando 2 pacotinhos que farão com que o sistema leia (e use) toda a memória da máquina.

Os pacotes instalados são modificações do kernel que usam PAE (Physical Address Extension) uma funcionalidade que permite processadores de 32 bits endereçar mais endereços de memória. leia mais aqui.

Antes, porém, é necessário se certificar de que o processador da máquina suporta o PAE, para tanto, visite a página do fabricante ou use o comando:

cat /proc/cpuinfo |grep pae

o suporte existe se o resultado for algo como:

flags: fpu vme de pse tsc msr pae mce cx8 apic sep mtrr pge mca cmov pat pse36 clflush dts acpi mmx fxsr sse sse2 ss ht tm pbe nx rdtscp lm constant_tsc arch_perfmon pebs bts xtopology nonstop_tsc aperfmperf pni pclmulqdq dtes64 monitor ds_cpl vmx est tm2 ssse3 cx16 xtpr pdcm sse4_1 sse4_2 x2apic popcnt xsave avx lahf_lm arat epb xsaveopt pln pts dts tpr_shadow vnmi flexpriority ept vpid

Uma vez certificado que o processador tem suporte ao PAE, faça:

1) instalar os pacotes com o comando: sudo apt-get install linux-generic-pae linux-headers-generic-pae

2) Reiniciar o sistema.

Após a reinicialização, execute o comando gnome-system-monitor e confira na aba SISTEMA do monitor de recursos a quantidade de memória da máquina.

Monitor de recursos.

Em tempo: Essa é uma solução paliativa pra quem não pode ou quer formatar a máquina, o ideal nos casos de uso de processadores 64 bits é usar o sistema próprio para 64 bits.

Big Brother Fiscal – livro de Roberto Dias Duarte

Big Brother Fiscal é um e-Book escrito pelo Professor Roberto Dias Duarte que, com discurso bastante direto e informal, aborda as conseqüências da maior transformação tributária da história de nosso país.”

Destinado a empresários, dirigentes de empresas, profissionais das áreas contábil e tribuitária s até mesmo para profissionais de tecnologia e infra-estrutura, o livro trata do Sistema Público de Escrituração Digital – SPED e os respectivos impactos das novas tecnologias nas empresas e organizações contábeis.

Baixe o livro aqui: http://www.jcsuporte.blog.br/posts/bbf3-v1.01s.pdf

O Livro é gratuito porque a publicação foi realizada sob uma licença Creative Commons 2.5 sob as seguintes condições:

Você pode: copiar, distribuir, exibir e executar a obra (impressão é proibida!)

Sob as seguintes condições:
Atribuição — Você deve dar crédito ao autor original, da forma especificada pelo autor ou licenciante.
Uso Não-Comercial — Você não pode utilizar esta obra com finalidades comerciais.
Vedada a Criação de Obras Derivadas — Você não pode alterar, transformar ou criar outra obra com base nesta.

Fonte: http://crn.itweb.com.br

Limpando histórico de conexões do MS-Sql Server 2008

Quem trabalha com atendimento a vários clientes, ou mesmo é DBA , tem a necessidade de fazer várias conexões com o SQL Server Management Studio (SSMS), e a medida que as conexões vão sendo feitas, ficam gravados os nomes dos servidores no combo ‘Server name’, conforme imagem abaixo.

Lista de conexões do SSMS

O aumento dessa lista não muda em nada a perfomance ou funcionamento, mas se ficar muito extensa, pode ficar incômodo, então, para limpar a lista e deixá-la novamente zerada… faça o seguinte:

No windows Explorer (Win + E), vá até a pasta

C:\Users (Usuários)
\usuario (nome do seu usuário)
\AppData
\Roaming
\Microsoft
\Microsoft SQL Server
\100 (Para SQL Standard)
\Tools
\Shell

E apague o arquivo ‘SqlStudio.bin’